210 540 000 (custo chamada local)
Contacte-nos
Nós ligamos!
O número de telefone é obrigatório Deve inserir um número de telefone correto
Consinto com o tratamento dos meus dados para ser informado por telefone e/ou e-mail da oferta de serviços Eletricidade e Gás da Repsol de acordo com a Política de Privacidade da Repsol
Para continuar, deve aceitar a política de proteção de dados
o
Contacte-nos
210 540 000 custo chamada local
aparelhos que reduzem energia

Existem aparelhos que reduzem o consumo de energia?

Os clientes de eletricidade e gás natural procuram diversas formas para diminuir o custo das suas faturas de energia, razão pela qual esta questão ser colocada em diversos fóruns e motores de pesquisa. Neste artigo, vamos responder a algumas dúvidas e procurar contextualizar a afirmação de que existem aparelhos que reduzem o consumo de energia.

Um equipamento per se não reduz o consumo de energia. No entanto, um determinado equipamento poderá ser mais eficiente em detrimento de outro e/ou desempenhar uma função distinta. Para além disso, existem tecnologias inteligentes que ajudam a economizar energia.

Quais são os aparelhos que ajudam a economizar energia?

De facto, existem aparelhos que, alicerçados em novas tecnologias, conseguem otimizar o consumo de energia e contribuir para a eficiência energética. São um complemento, por exemplo, ao isolamento térmico e aos conselhos para evitar o consumo silencioso.

lampada LED.png

1. Lâmpada LED

Para muitos não é uma tecnologia nova, mas de facto este tipo de lâmpadas permite uma redução considerável no consumo de energia. Pode consumir cerca de 90% menos energia do que as lâmpadas normais e, por isso, ser considerada um aparelho bastante eficaz para reduzir a fatura de energia.

interruptor inteligente.png

2. Interruptor e lâmpada inteligentes

Esta tecnologia já não é tão massiva como a primeira, no entanto, começa a ganhar expressão na hora de economizar energia. Os interruptores inteligentes permitem programar o funcionamento das lâmpadas, mesmo à distância, uma vez que estes aparelhos estão conectados à internet. Desta forma, é possível indicar os horários em que as luzes se devem desligar. As lâmpadas inteligentes utilizam a mesma tecnologia e estão conectadas diretamente à internet, sem necessidade de interface com o interruptor.

termoacumulador.png

3. Termoacumulador inteligente

Este tipo de termoacumulador poderá ser um aliado para reduzir o consumo de energia dos seus banhos, na medida em que a água quente representa cerca de 20% do consumo de energia residencial. No entanto, este aparelho também poderá acumular energia para outro tipo de consumos energéticos.

sensores (2).png

4. Sensor de presença para iluminação 

Como o próprio nome indica, este equipamento permite detetar movimento em determinadas divisões e, assim, controlar a iluminação, evitando o desperdício de energia. Requer um investimento maior do que, por exemplo, as lâmpadas LED, no entanto, poderão funcionar como um complemento adicional para poupar energia na sua casa.

ar-condicionado wi-fi.png

5. Ar-condicionado wi-fi

O ar-condicionado é um tipo de aquecimento com várias vantagens quando comparado com outros equipamentos. O ar-condicionado wi-fi poderá ajudar a poupar ainda mais energia, na medida em que este tipo de modelos poderá consumir menos cerca de 80% de energia quando comparados com os mais comuns, os split. O seu motor inverter mantém a temperatura constante, evitando, desta forma, a necessidade de estar constantemente a ligar e a desligar.

app energia.png

6. Aplicações de gestão de energia

A tecnologia tem permitido grandes progressos na gestão eficiente dos recursos. Atualmente, existem aplicações que, através de conexão ao smartphone, permitem estabelecer a ligação aos aparelhos, automatizar os seus consumos, diminuindo, assim, os custos energéticos.

A designada Internet of Things (IoT) promete revolucionar a forma como nos relacionamos com os aparelhos, fazendo com que estes funcionam em rede, integrados, de maneira a aumentar o bem-estar.

termostato inteligente.png

7. Termostato inteligente

Este aparelho permite otimizar o sistema de aquecimento, tendo em consideração os hábitos e necessidades de consumo. É um equipamento inteligente que aprende e se ajusta às preferências dos seus utilizadores. Por exemplo, é possível definir que a temperatura máxima da água seja 28 graus e, assim, evitar que chega a temperaturas mais altas que levam a um maior consumo de energia. Por conseguinte, poderá diminuir o consumo de gás natural entre 15 e 20%.

Outros conselhos para poupar energia

De facto, estes aparelhos ajudam a reduzir o consumo de energia. Os avanços tecnológicos serão preponderantes não apenas para diminuir o custo da fatura, mas também os recursos naturais utilizados e, por conseguinte, diminuir os gases com efeitos de estufa.

Muitas destas tecnologias ainda não são acessíveis para todas as famílias, no entanto, existem outras formas de reduzir o consumo de energia que não acarretam um investimento tão grande, tais como:

Ao contratar um dos planos da Repsol, para além de usufruir de eletricidade 100% renovável e pagar o mesmo pelo preço do kWh durante os 12 meses do contrato, poderá usufruir de descontos noutras energias.