210 540 000 (chamada local)
Contacte-nos
Nós ligamos!
O número de telefone é obrigatório Deve inserir um número de telefone correto
Ao preencher este formulário, entraremos em contacto consigo para lhe fazer chegar a nossa oferta de Eletricidade e Gás.
Aceito a Política de Privacidade
Para continuar, deve aceitar a política de proteção de dados
o
Contacte-nos
210 540 000 Linha de Apoio ao Cliente e Contratação
Como purgar um radiador de uma forma fácil

Como purgar um radiador de uma forma fácil

O tempo frio obriga-nos a utilizar mais vezes os equipamentos de aquecimento. Já falámos noutras ocasiões sobre quais são os mais eficientes, mas também é essencial que conheça outro aspeto fundamental: a manutenção e, mais especificamente, como purgar um radiador para que este dure mais tempo.  

O nosso principal objetivo é garantir a sua segurança com a sua utilização constante, bem como promover a poupança de energia. Por isso, queremos que saiba por que razão é necessário verificar e limpar o radiador com frequência e como efetuar todo o processo. Com estas noções básicas, poderá maximizar as suas poupanças e reduzir as despesas desnecessárias. 

A forma correta de purgar os radiadores

 

Aqui explicamos como purgar os radiadores em três passos. 

1. Esperar que a caldeira arrefeça completamente. 

Espere duas a quatro horas para que a caldeira arrefeça completamente. Uma vez decorrido este tempo, tente meter a mão sem se queimar para verificar se não há calor (especialmente na parte superior do aparelho). 

2. Purgar a torneira para retirar o ar 

O passo seguinte é abrir a torneira até ao fim, com um balde mesmo por baixo. Quando o fizer, a água começará a sair em pequenas quantidades, mas depois sairá mais uniformemente e em maiores quantidades. É importante esperar pelo menos dez minutos até que não saia mais água ou ar. 

3. Verifique se a pressão da caldeira está correta 

Assim que terminar o processo, as condutas ficarão vazias, pelo que a pressão diminuirá. Recomenda-se que esteja entre 1 e 1,5 bar para um funcionamento ótimo. Se houver um nível superior ou inferior, ajuste-o antes de reiniciar a caldeira para evitar avarias. 

Quando é que os radiadores devem ser purgados?

 

É aconselhável limpá-los imediatamente antes do início dos meses mais frios. Faça-o antes de os ligar após o verão, altura em que o pó se acumula no ar, sobretudo nas regiões do sul do país. Esta é uma parte essencial da manutenção que deve ser efetuada uma vez por ano.  

Lembre-se que estes equipamentos podem passar até seis meses sem estarem a funcionar. Se não forem limpos corretamente, é provável que as condutas fiquem obstruídas e percam a sua vida útil. Sem dúvida, um conceito básico para compreender como poupar no aquecimento. Caso, porventura, o seu equipamento não esteja nas melhores condições, poderá sempre chamar um técnico especializado, sem ter qualquer custo, caso contrate um dos serviços Apoio dos Planos de Eletricidade e Gás da Repsol

Como purgar um radiador de uma forma fácil

Todos os radiadores são purgados da mesma forma?

 

A resposta é não, embora com nuances. O processo é semelhante na maioria dos equipamentos, pois baseia-se na remoção da água e de eventuais resíduos que possam estar nas condutas. No entanto, há aparelhos que nem sequer precisam de ser purgados, como os que têm válvulas automáticas.  

Estes últimos são um pouco mais caros, mas requerem menos manutenção. Dispõem de um sistema que expulsa o ar de forma constante e suave, para que não se acumule qualquer líquido. Se estiverem ligados a uma central com as suas próprias tubagens, é necessário que um técnico verifique se estas estão vazias antes de começar. 

Qual é o objetivo da lavagem dos radiadores?

 

Uma manutenção correta é fundamental para aumentar a sua vida útil, bem como para reduzir o consumo de energia. Tenha em conta que, quando as condutas ficam obstruídas, é necessário mais tempo para produzir o mesmo calor. Consequentemente, a eficiência é reduzida, o que leva a um aumento da fatura de energia. 

Por outro lado, é essencial limpá-las, pois o ar tende a acumular-se no seu interior. Os modelos que requerem gás também precisam de mais para fazer o seu trabalho quando estão sujos por dentro. Com o passar do tempo, simples manchas de pó transformam-se em incrustações e deterioram progressivamente as vias respiratórias. 

Purgar os radiadores com o aquecimento ligado ou desligado?

 

Quando vai purgar o seu radiador, o aquecimento deve estar sempre desligado, independentemente do tipo ou da energia utilizada. A principal razão é a segurança, pois lembre-se que a água estará quente se o aparelho tiver sido ligado recentemente, com o risco de queimaduras que isso pode implicar ao manuseá-lo. Nesta altura, recomendamos a utilização de luvas.  

Por outro lado, se o fizer com o aparelho ligado, corre o risco de queimar os tubos. A passagem do líquido no interior é um pouco lenta, pelo que acabaria por produzir abrasões se fluísse a altas temperaturas. Além disso, tenha em conta que estamos a procurar a passagem de ar para a parte superior do equipamento, para que a água fique mais próxima da saída e saia mais rapidamente. 

A importância da manutenção da caldeira 

 

Acha que a sua caldeira está em bom estado? A verdade é que muitas pessoas não sabem como cuidar dela ou, na maioria dos casos, nem sequer se lembram de o fazer. A pior consequência é a perda de segurança do equipamento, já para não falar do facto de se ir deteriorando a cada utilização.  

Ao contratar um Plano de Eletricidade e Gás da Repsol, para além de poupar na fatura, ainda poderá contratar um serviço de Apoio e garantir que um técnico deslocar-se-á a sua casa para verificar a situação, sem qualquer custo.