Saltar al contenido
Plantar Uma Árvore

Repsol convida todos os portugueses a plantarem uma árvore

  • Repsol acaba de lançar uma campanha que permite a plantação de uma árvore, em território português, através de pontos Repsol Move.
  • O processo de plantação e todo o ciclo de vida da árvore pode ser acompanhado através de programas de voluntariado da Associação Plantar Uma Árvore, organização parceira do projeto.
  • O repto lançado pela empresa espelha o seu compromisso sustentável e a sua visão percursora na transição energética.
PDF 446 KB Descargar documento

Repsol convida todos os portugueses a plantarem uma árvore

A partir de hoje, é possível “Plantar Uma Árvore” em Portugal, através da troca de pontos, sem sair de casa. A Repsol desafiou os portugueses a, também eles, serem agentes de mudança e contribuírem para a sustentabilidade do planeta com a troca de 500 pontos Repsol Move – número de pontos oferecidos pela companhia aquando do download da App.

A ação, que tem um impacte positivo no meio ambiente, pode ser concretizada através dos canais digitais Repsol Move, website e aplicação, ou numa Estação de Serviço aderente. Os Clientes poderão, ainda, acompanhar todo o processo de plantação nos programas de voluntariado da Associação Plantar Uma Árvore, organização parceira que esteve também envolvida na Semana Internacional do Voluntariado da Repsol.

“Temos clara a nossa visão estratégica, bem como as ações e projetos necessários para atingirmos as metas ambientais que nos propusemos. Esta campanha tem vida própria. É uma oportunidade para assumirmos uma outra responsabilidade, a didática e de consciencialização coletiva”, explica António Martins Victor, Diretor de Comunicação e Relações externas da Repsol.

Procurando fazer face à crise de biodiversidade e à adaptação às alterações climáticas, as plantações englobam uma grande diversidade de espécies, pretendendo-se restituir bosques para potenciar a biodiversidade, a taxa de sobrevivência e a resiliência aos incêndios, onde se contempla o bosque e o sub-bosque e a sucessão ecológica geracional.

Para Miguel Teles, Presidente e Coordenador Executivo da associação Plantar Uma Árvore, esta sinergia “fecha um círculo que procura promover um equilíbrio entre o uso dos recursos naturais e a responsabilidade de os restaurar, naquele que deve ser um inequívoco assumir das responsabilidades ambientais e sociais”.

Em linha com a declaração das Nações Unidas, que institui 2011-2021 como a década para a Biodiversidade e 2021-2030 como a década para a Recuperação dos Ecossistemas, a doação da Repsol, através dos pontos Repsol Move, permite a participação e envolvimento de todos os portugueses. Estes poderão, eles próprios, acompanhar todo o processo e plantar a sua própria árvore.

“Queremos que esta iniciativa chegue a todos e que todos tenham a oportunidade de participar, daí os simbólicos 500 pontos Repsol Move para a plantação de uma árvore, que é o número que oferecemos, após o descarregamento da aplicação. Numa altura como que a vivenciamos, é importante que as pessoas sintam que são parte ativa de um dos temas mais premente das sociedades contemporâneas, a sustentabilidade do planeta.”, acrescenta Rui Aires, responsável pelo Negócios das Estações de Serviço.

Compromisso com o futuro

Em 2019, a Repsol foi a primeira empresa do setor a anunciar o objetivo de zero emissões líquidas de CO2 em 2050. O seu Plano Estratégico 2021-2025 corrobora este objetivo e, para isso, aposta num modelo que integre várias opções tecnológicas, que junte a eletrificação com o uso de produtos de baixa, neutra ou mesmo negativa pegada de carbono, e ofereça soluções a todas as necessidades da sociedade. A combinação de diferentes tipos de energia fará com que seja possível alcançar o objetivo de zero emissões líquidas de forma mais eficiente, rápida e com o menor custo possível para o cidadão.

O Plano Estratégico 2021-2025 estabelece novos e mais ambiciosos objetivos de redução de emissões, com uma diminuição da intensidade de carbono de 12% para 2025, de 25% para 2030 e de 50% para 2040, face a 10%, 20% e 40%, respetivamente, fixados antecipadamente. 

Para reduzir as suas emissões, a Repsol adotará as melhores tecnologias disponíveis, minimizará o seu consumo de energia e digitalizará as suas operações para otimizar ativos. A empresa também vai realizar uma gestão do seu portefólio orientada para diminuir a intensidade de carbono, otimizando a produção, reduzindo a de barris de maior intensidade de carbono e dará prioridade ao valor sobre o volume.

Para mais informação:

REPSOL | 21 311 9000

António Martins Victor | amvictor@repsol.com