Contacte-nos
Contacte-nos para novas contratações
o
Nós ligamos!
O número de telefone é obrigatório Deve inserir um número de telefone correto
Acepto la política de protección de datos.
Para continuar, deve aceitar a política de proteção de dados
Hero.jpg
Hero.jpg
Hero.jpg

Lubrificantes Pesados

O lubrificante adequado para o seu veículo pesado

Reestruturámos a gama de lubrificantes para veículos pesados numa gama única, codificada para facilitar a sua escolha.

Vantagens dos lubrificantes Repsol

Check

Maior eficiência

Redução do espaço ocupado nas estantes e no armazém.

etiquetas

Propriedades do produto

Utilizamos etiquetas e símbolos que comunicam os benefícios e as propriedades dos produtos.

sostenibilidad

Mais sustentável

A nossa embalagem reciclável contribui para a circularidade, minimiza o uso de plásticos e contribui para reduzir as emissões de CO2.

bloque-de-contenido.png

Conheça a nova gama

Uma gama única de produtos que torna fácil a escolha do lubrificante que melhor se adapta às suas necessidades.

Low saps

Fluidos formulados para veículos com dispositivos de controlo de emissões.

Maximum Protection R&D

Lubrificante aprovado pelos vários fabricantes (OEMs), que cobrem grande parte dos veículos disponíveis.

Fuel economy

Fluidos com propriedades que contribuem para um menor consumo de combustível.

Long life

Lubrificantes com um intervalo de troca prolongado, se o fabricante do veículo o previr.

bloque-de-contenido2.png

VHPD (Very High Performance Diesel)

Para veículos EURO VI e EURO V que requerem aprovações OEM e um lubrificante 100% sintético com longos intervalos de mudança para economia de combustível.

Multi Vehicle

Lubrificante recomendado para uma grande variedade de veículos.

UHPD (Ultra High Performance Diesel)

Para veículos EURO VI e EURO V que requerem aprovações OEM e um lubrificante 100% sintético com longos intervalos de troca.

HPD (Top High Performance Diesel)
Para veículos abrangidos pela norma EURO V e alguns pela EURO VI, que exigem homologações dos fabricantes do veículos (OEM).
SHPD (Super High Performance Diesel)

Para veículos abrangidos pela norma EURO IV e anteriores, que exigem homologações dos fabricantes do veículos (OEM).

Nova gama Giant

Gama única

Uma gama única 

Apenas com a experiência adquirida ao longo de décadas em diferentes indústrias, conseguimos desenvolver uma das gamas mais versáteis de lubrificantes para veículos pesados. Uma única marca com produtos para diferentes usos concebidos para capacitar os profissionais. Três séries de lubrificantes de alta qualidade especificamente formulados para veículos que requerem aprovações dos fabricantes de veículos.

Todos os produtos que o seu veículo necessita

Descubra a nossa extensa gama de produtos de tratamento de veículos.

Têm dúvidas?

Existem numerosas possibilidades de definir um óleo lubrificante; apesar de ser de forma resumida e de um ponto de vista industrial, podemos dizer que é uma substância que reduz o atrito quando se interpõe entre duas superfícies com movimento relativo. Serve para:

  • Reduzir a fricção entre duas superfícies metálicas.
  • Proteger os órgãos mecânicos do desgaste e da corrosão.
  • Limpar e refrigerar os motores.
  • Vedante entre os segmentos/pistões e as camisas, com o fim de evitar as fugas de gases produzidas na câmara de combustão.

Caso seja necessário misturar dois lubrificantes diferentes para completar o nível de óleo, recomenda-se a selecção de um com a mesma qualidade. Deverá logo que possível realizar a mudança completa do lubrificante, assim como do filtro de óleo, para o indicado no manual do veículo.

A distinção de óleo de sintético ou mineral relaciona-se com o método de obtenção do componente principal, o óleo base. Quando se obtem via refinação convencional do petróleo estamos na presença de um óleo mineral. No caso de haver processos quimicos e/ou de síntese diferentes da refinação falamos de um óleo sintético.

O termo sintético não é indicativo da qualidade do lubrificante. A qualidade é testada em laboratório e ensaios de motor, que o lubrificante deverá superar durante o seu desenvolvimento/funcionamento, e não em função das matérias primas utilizadas no fabrico do lubrificante.